2/11/2004 01:03:27 PM

Estou sozinha em casa. Tem muito tempo que eu não sei o que é isso, ouvir os passarinhos cantando no jardim, ter meus cachorros deitados no pé e eu aqui: sem marido, sem filha, sem empregada… Que sensação maravilhosa!

Tá bom, eu assumo: sou um pouco individualista mesmo (Nando às vezes acha que é egoísmo). Mas pra quem gosta de escrever, de ler e de assistir filmes sem interrupções esses momentos de sossego são sagrados, preciosos e devem ser aproveitados ao máximo. Pra ficar melhor ainda, só se eu desligasse o telefone, mas meu instinto materno não permite tal luxo (tenho que estar disponível pra qualquer imprevisto).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s