What’s in a name? That which we call a rose By any other name would smell as sweet.

Sábado passei nos Sam’s Club para comprar umas coisinhas que estavam faltando para a festa de dia das Mães lá no núcleo. Eu adoro super-mercados e geralmente é um prazer passear entre as gôndolas olhando as promoções. Dessa vez  não dava tempo para grandes descobertas, Nando me esperava no carro e a pressa era necessária.

Bem no meio do corredor central, em uma das ilhas promocionais, meus olhos se encontraram com uma fôrma dilicone, para bolos, em formato de rosa. Foi amor à primeira vista: nunca tinha assado um bolo em fôrmas de silicone e confesso que tinha algum preconceito em relação a elas. Resolvi arriscar mesmo assim e trouxe a bichinha pra casa. Hoje fizemos nosso primeiro bolo beato (piada interna. Só entende quem namora). Embora as pontinhas tenham ficado queimadas crocantes, eu gostei do resultado.

E aí, aprovada?

4 comentários em “What’s in a name? That which we call a rose By any other name would smell as sweet.”

    1. Então Kari: minha ideia é fazer uma mousse de coco, com calda de morango. Acho que vai ficar muito lindinho…

      Beijão
      Mary

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s