Cupcakes integrais

Primeiro minha amiga Nísia me passou um receita excelente de bolo integral sem ovos que ficou guardadinha no meu computador, aí apareceu em mim uma alergia esquisitíssima e meu corpo se encheu de feridinhas que coçavam mais que sarna. Precisei fazer umas mudanças na minha alimentação para alcalinizar o organismo e sarar mais rápido e cortei leite e derivados (menos o iogurte, de onde tenho tirado minha dose diária de proteína), carnes, cereais refinados e ovos.

Quem me conhece sabe que eu sou raceada com formiga e não dispenso um doce, por isso fui atrás da tal receita sem ovos e fiz algumas pequenas modificações para se adequar ao máximo à minha dieta. Fiz o primeiro bolo e pra minha surpresa todos da casa adoraram (isso é raro por aqui).

Primeiro bolo

 

imageDia desses precisei ir ao mercado e vi uma promoção que muito me interessou: na compra de dois pacotinhos de fermento Royal ganhava seis forminhas de silicone para fazer cupcakes. Levei um kit desses e da vez seguinte que fui para a cozinha além do bolo propriamente dito, separei um tantinho da massa e coloquei nas forminhas. Sucesso novmente; As crianças adoraram a novidade e eu também. Bolinhos individuais, fofinhos e macios que são ótimos, inclusive para serem levados para a escola como uma opção saudável de lanche.

Voltei ao mercado e antes que acabassem todos os kits, comprei mais 3, ou seja, tenho 8 pacotes de fermento transgênico (vocês já notaram que o fermento da Royal tem aquele maldito T?) e 24 lindas formas de silicone coloridas que são o tanto perfeito para a receita que eu tenho.

image

Como o Caboclo Postadô não ia me deixar terminar este texto sem dividir essa receita com vocês, segue a dita cuja com as devidas mudanças que eu faço.. Podem testar em casa que eu garanto.

Cupcakes integrais (dá aproximadamente 24 bolinhos ou um bolo de bom tamanho)

ingredientes

2 xic. de açúcar mascavo
4 CS de manteiga (tentei mudar por óleo mas não ficou tão bom, essa é aa parte menos natureba do bolo)
4 xíc. de farinha de trigo integral (eu sempre troco uma pela mesma medida de farelo de aveia, ou ração humana ou algum outro farelo que eu tenha em casa)
2 xic. de leite (eu uso iogurte desnatado que eu faço em casa, ou então uma de iogurte e uma de soro de iogurte quando sobra do iogurte grego ou coalhada seca)
canela em pó a gosto
1 CS de bicarbonato de sódio (se não tiver reforce um pouco no fermento)
1 CS de fermento em pó

OBS.
Essa é a base. Se quiser bolo de maçã: descasque e corte 2 maçãs em cubinhos, bata o iogurte com as cascas no liqüidificador e com a massa pronta misture a maçã cortadinha antes de ir ao forno.
Se o bolo for de banana: amasse duas bananas prata bem madurinhas e misture na massa.
Dá pra adicionar ainda passas, ameixa, castanha de caju picadinha, semente de girassol, frutas cristalizadas… sua imaginação é o limite.
Modo de fazer
bata o açúcar e a manteiga até conseguir um creme esbranquiçado. Depois coloque metade do leite e da farinha e bata mais um pouco, coloque o resto do leite, da farinha e continue batendo.
adicione os ingredientes extras (castanhas, frutas…), a canela e continue batendo. no final coloque o bicarbonato e o fermento e bata um pouquinho, só pra misturar.

Ligue o forno em fogo médio, e enquanto a massa cresce um pouquinho unte e enfarinhe as forminhas.

Coloque a massa deixando um dedo de distância da borda e leve ao forno até o palito sair limpo.

a cobertura pode ser de ameixa: cozinhe a ameixa em um pouco de água até o caroço ficar soltinho, tire-o e bata no liquidificador com a água do cozimento e melaço de cana. Granola por cima e está pronto. (o de hoje eu cobri com geleia de amora homemade e coloquei uma amorinha em cima pra enfeitar)

É isso.

image